AEG Live reembolsará ingressos dos shows de Michael Jackson

Londres, 30 jun (EFE).- A AEG Live, empresa promotora dos 50 shows que o cantor americano Michael Jackson deveria fazer em Londres, confirmou hoje que devolverá o dinheiro aos que compraram ingressos para ver o retorno musical do rei do pop.

EFE |

Além disso, os fãs do artista terão a opção de renunciar ao reembolso e receber como lembrança os bilhetes, que poderiam se transformar em objeto valioso para colecionadores, após a repentina morte de Michael na quinta-feira passada.

"Como ele (Michael) amou seus admiradores em vida, é de nossa incumbência tratá-los com a mesma reverência e respeito após sua morte", disse o presidente da AEG Live, Randy Phillips, em comunicado.

Os reembolsos acontecerão através de quatro agências autorizadas de venda de ingressos: Ticketmaster, Viagogo, See e Ticketline.

No fim de semana passado, a casa de leilões pela internet eBay também anunciou que reembolsará aos clientes o dinheiro dos ingressos adquiridos para os shows de Michael Jackson.

As entradas para as apresentações do "rei do pop" tiveram o ritmo de venda mais rápido da história em Londres, e calcula-se que cerca de 750 mil pessoas as adquiriram pela via oficial.

Segundo os organizadores, os ingressos foram vendidos a uma média de 11 por segundo, 657 por minuto e quase 40 mil por hora quando começaram a ser oferecidos, em março.

O preço oficial era de entre 50 e 70 libras (US$ 83 e US$ 116), mas, no eBay, chegaram a ser oferecidos à melhor oferta por entre 75 e 10 mil libras (US$ 124,4 a US$ 16,587 mil).

O cantor, que morreu de parada cardíaca aos 50 anos, esteve ensaiando nas últimas semanas para os shows de Londres, que aconteceriam no O2 Arena, um auditório às margens do rio Tâmisa, no sudeste da capital.

"Só quero dizer que estas serão minhas últimas apresentações em Londres. Quando digo que é isso, é isso. Tocarei as músicas que meus fãs querem ouvir", disse o próprio Michael, em março, ao apresentar os shows no O2 Arena. EFE pa/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG