Aécio convida Alencar para aliança à prefeitura de BH

O governador Aécio Neves (MG) propôs nesta quinta-feira ao vice-presidente da República, José Alencar (PRB), sua participação na aliança com o PT para a prefeitura de Belo Horizonte. Estamos negociando e vamos voltar a conversar na próxima semana, anunciou Aécio, à saída de audiência com Alencar no Palácio do Planalto.

Agência Estado |

O vice-presidente vinha se queixando de que, juntamente com o ministro das Comunicações, Hélio Costa (PMDB), outra liderança política mineira, não fora consultado sobre a aliança, costurada entre Aécio e o prefeito Fernando Pimentel, do PT, em princípio em torno do nome de Márcio Lacerda, filiado ao PSB e secretário de Aécio.

O governador mineiro, elogiadíssimo pela cúpula do PMDB na cerimônia de inauguração de galeria de fotos de personalidades do partido, na Câmara, revelou que, no jantar do qual participou, depois, na casa do ministro Hélio Costa, convidou o PMDB a também ingressar na aliança. Assinalou, a propósito dessa aproximação com o PMDB para as eleições municipais, que "não precisamos ser inimigos por estarmos em lados opostos".

"É uma aliança em favor de um projeto. Seria muito bom que o vice-presidente José Alencar, o PMDB e vários outros atores políticos pudessem participar. Aí sim a aliança para a prefeitura de Belo Horizonte teria o perfil adequado. Estou otimista. Acho possível uma construção extremamente ampla", declarou Aécio Neves.

O governador de Minas Gerais considerou muito grave a prisão de 16 prefeitos, ontem, pela Polícia Federal, por corrupção no uso do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), dos quais 13 - ou 81,2% do total - são mineiros. Aécio declarou-se surpreso com os prefeitos envolvidos. "O caso está nas mãos da Polícia Federal e do Ministério da Justiça, que deverão aprofundar as investigações", concluiu.

Leia mais sobre: eleições

    Leia tudo sobre: eleições

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG