Advogado pede indiciamento de ex-deputado por acidente

O advogado dos pais de Gilmar Rafael Yared, que morreu depois de ter seu carro atingido pelo veículo do ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli no mês passado em Curitiba, Elias Mattar Assad, protocolou hoje, na Delegacia de Serviços de Trânsito (Dedetran), em Curitiba, um requerimento pedindo o indiciamento do ex-deputado e que, caso ele não se apresente espontaneamente para depor em breve, tenha a prisão preventiva decretada. O medo de Assad é que Carli Filho se ausente do País ou atrapalhe as investigações.

Agência Estado |

O ex-deputado deixou o hospital Albert Einstein, em São Paulo, no último sábado. O delegado da Dedetran, Armando Braga, afirmou que já entrou em contato com Carli Filho. Braga, que assumiu as investigações depois que Carli Filho renunciou ao seu mandato e por consequência perdeu o foro privilegiado, afirmou que espera o depoimento do ex-deputado para então fazer a reconstituição do acidente e pedir o indiciamento dele por crime de trânsito. O delegado afirmou que o depoimento deve acontecer no menor tempo possível, dependendo das condições de saúde de Carli Filho.

    Leia tudo sobre: carli filho

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG