O advogado do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (ex-DEM), está entrando com um pedido de habeas corpus a favor de Arruda junto ao Supremo Tribunal Federal (STF). A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) mandou, agora à tarde, prender preventivamente o governador do Distrito Federal, por tentativa de coação de testemunhas e obstrução da Justiça.

Logo após a decisão do STJ, Arruda se entregou à Polícia Federal e agora seus advogados tentarão no STF um habeas corpus.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.