Acidente entre dois ônibus deixa mais de 50 feridos em Brasília

Ônibus seguiam do Plano Piloto para Águas Claras quando colidiram na Estrada Parque Taguatinga Guará, em Brasília

iG São Paulo |

Um grave acidente entre dois ônibus na Estrada Parque Taguatinga Guará (EPTG), em Brasília, deixou pelo menos 54 feridos. Mais de 20 pessoas ficaram em estado grave. Seis pessoas ficaram presas nas ferragens, mas já foram resgatadas. As vítimas foram encaminhadas para hospitais da região.

Distrito Federal: Jovens morrem arremessados para fora de carro em acidente

AE
Visão de um dos ônibus acidentados nesta sexta-feira, em Brasília
O acidente ocorreu próximo à residência oficial do governador do Distrito Federal, em Águas Claras. Os ônibus seguiam do Plano Piloto para Águas Claras quando colidiram na via marginal da EPTG. No fim da manhã, ainda eram registrados quase 10 quilômetros de engarrafamento. Curiosos que passam devagar pelo local dificultam o trânsito.

São Paulo: Jovem que foi resgatada três dias após acidente volta para UTI

Segundo informações do Batalhão rodoviário, um ônibus da Viação Viplan bateu na traseira de outro coletivo, da Viação Planeta. A colisão pode ter sido provocada após um dos ônibus ser fechado por um carro e passeio.

As vítimas mais graves foram levadas para o Hospital de Base. As pessoas com ferimentos mais leves foram encaminhadas para os hospitais regionais de Taguatinga, Ceilândia e Samambaia. Onze equipes dos bombeiros trabalharam no resgate das vítimas. Segundo os bombeiros, os ônibus de linha estavam lotados no horário.

A via foi totalmente interditada aguardando a perícia da Polícia Civil. Um desvio foi montado na região, segundo o batalhão rodoviário.

AE
A frente do ônibus acidentado nesta manhã na Estrada Parque Taguatinga Guará

O secretário de Transportes do Distrito Federal, José Walter Vazquez Filho, esteve no local. Ao ser perguntado sobre as condições dos ônibus envolvidos no acidente – os dois estavam com os pneus carecas -, ele garantiu que até o final do ano, a frota será renovada. Segundo ele, o processo licitatório de novos ônibus no Distrito Federal é feito de sete em sete anos. Ele frisou que, em diversas cidades do país, esse mesmo processo ocorre de dez em dez anos.

    Leia tudo sobre: ônibusbrasíliaacidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG