Ação em academias prende dois e apreende anabolizantes na Baixada Fluminense

RIO DE JANEIRO ¿ Duas pessoas foram presas e uma grande quantidade de anabolizantes foi apreendida durante uma operação realizada nesta terça-feira pela Polícia Civil para fiscalizar academias da Baixada Fluminense.

Redação com Agência Estado |

De acordo com a Delegacia do Consumidor (Decon), que coordenou a ação, Mayra de Souza Teixeira, de 34 anos, foi presa em uma academia no centro de Mesquita exercendo ilegalmente a profissão de professora de educação física.

Durante a operação, os agentes prenderam também Wesley Moreira Nobre, de 25, portando grande quantidade de anabolizantes, como comprimidos de Pramil, ampolas de Sibutramina e remédios utilizados em cavalos.

Polícia Civil

Medicamentos ilegais apreendidos em academia na Baixada Fluminense

Segundo a polícia, os medicamentos apreendidos não tinham registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Na academia no centro de Mesquita, os agentes encontraram ainda cheques e dinheiro da venda proibida dos anabolizantes.

O delegado titular da Decon, Roberto Ramos, informou que Mayra foi autuada pelo crime de exercício irregular da profissão. Já Wesley, foi autuado por corrupção e alteração de produtos terapêuticos e medicinais.

Leia mais sobre: anabolizante

    Leia tudo sobre: academiasanabolizante

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG