Academia começa processo de votação para Oscar

LOS ANGELES ¿ A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos enviou hoje por correio as cédulas para votação dos próximos ganhadores do Oscar, um processo que abre mão das novas tecnologias para evitar fraude.

Redação com EFE |

Mais de 5.800 envelopes partiram da sede da Academia, em Beverly Hills, na cidade de Los Angeles, com destino a vários endereços em 31 países. As cartas contêm simples folha de papel com os nomes dos candidatos, ordenados em 24 categorias.

"Os membros da Academia têm que marcar seus preferidos e devolvem as cédulas antes de 17 de fevereiro à PricewaterhouseCoopers (PWC) para que comecem a contar", explicou o diretor-executivo da Academia, Bruce Davis.

A empresa se encarrega há 75 anos de processar os votos do Oscar e manter em segredo os nomes dos vencedores, que receberão os prêmios no próximo dia 22 de fevereiro.

"O Curioso Caso de Benjamin Button", sobre um homem que nasce velho e rejuvenesce com o tempo, lidera as indicações ao Oscar, tendo sido citado em 13 categorias, incluindo melhor filme e melhor ator, para Brad Pitt. "Quem quer ser um Milionário?" vem logo atrás, com 10 indicações. Os outros indicados a melhor filme são "Milk ¿ A voz da Igualdade", sobre direitos civis para os gays; "O Leitor", romance pós-Holocausto; e "Frost/Nixon", drama político.

Somente dois parceiros da PricewaterhouseCoopers saberão os nomes dos vencedores antes da cerimônia. Os envelopes com os nomes dos vencedores são entregues aos apresentadores de cada categoria imediatamente antes deles entrarem no palco, de acordo com a empresa.

* Com Reuters

Assista ao vídeo:

Leia mais sobre: Oscar

    Leia tudo sobre: oscar

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG