Abertura da Mostra de São Paulo acontece hoje; evento terá número recorde de sessões

SÃO PAULO ¿ A maratona está prestes a começar. Um dos mais tradicionais eventos da capital paulista, a 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo tem sua abertura oficial na noite desta quinta-feira (22) no Auditório Ibirapuera, quando será exibido o filme À Procura de Eric, do diretor britânico Ken Loach. Amanhã, mais de 400 filmes começam a ser exibidos em 25 salas da cidade, em um número recorde de 1452 sessões até o dia 05 de novembro.

Marco Tomazzoni |

Divulgação

Fanáticos pelo clube inglês Manchester United povoam o filme "À Procura de Eric"

A ampliação tanto do número de salas ¿ são cinco só no Unibanco Arteplex, além de novidades como o Cine Marabá e a Matilha Cultural, ambas no Centro ¿ quanto de sessões ocorreu para acomodar o total de filmes, conta o fundador e diretor da Mostra, Leon Cakoff. Foram mais de 700 longas inscritos para participar só da competição, sem contar os outros que a curadoria se interessou em convidar.

Em um ano, segundo Cakoff, em que a crise financeira passou longe do cinema, sobrou criatividade para os realizadores de todo o mundo, o que só tornou a curadoria mais trabalhosa. "Desta vez foi complicado. É quase um trabalho jornalístico, é preciso estar sempre ligado nas novidades", afirma, explicando como ele e Renata de Almeida, com quem divide a direção do evento, fazem para procurar as melhores produções para a programação.

Divulgação

O diretor da Mostra de SP, Leon Cakoff

Por esse esforço, estão confirmados, por exemplo, o israelense Lebanon, ganhador do Leão de Ouro em Veneza, no mês passado, e Ela, Uma Chinesa, de Xialou Guo, consagrado no Festival de Locarno. Isso sem contar todos os principais vencedores de Cannes: A Fita Branca, de Michael Haneke, na competição oficial; Dente Canino, de Yorgos Lanthimos, na mostra Un Certain Regard; Sanson & Delilah, de Warwick Thornton, vencedor da Camera DOr; e o melhor filme da Semana da Crítica, Lost Persons Area, de Caroline Strubbe.

Das andanças de Cakoff e Renata pelos festivais, também veio a ligação com o diretor e produtor italiano Gian Vittorio Baldi, 78 anos, um dos convidados deste ano. Colaborador de grandes nomes como Piero Paolo Pasolini e Alain Resnais, vai ganhar uma retrospectiva com seus trabalhos mais representativos. "Ele continua com uma energia incrível, e vem para cá atrás de uma coprodução com o Brasil", disse Leon.

A Mostra também vai trazer o celebrado diretor grego Theo Angelopoulos, um eterno convidado como o alemão Wim Wenders e que finalmente virá ao País, e a atriz francesa Fanny Ardant. Uma das musas do cinema mundial, Ardant foi casada com François Truffaut e traz na mala rumo a São Paulo sua estreia como diretora, "Cinzas e Sangue".

As sessões ar livre, projetadas no vão livre do Masp, vão continuar com força total, exibindo diariamente no início da noite sucessos da Mostra do ano passado, como "Romance", de Guel Arraes, "Terra Vermelha", "Valsa para Bashir" e a cópia restaurada de "Macunaíma", com Grande Otelo e Paulo José. "Essas sessões são um prazer. Lembram minha infância no bairro Tremembé, quando um vizinho estendia um lençol no quintal e projetava filmes 16mm para a criançada", afirmou Leon.

Paralelo à programação, deve continuar sendo realizado o longa-metragem "Mundo Invisível", segundo filme produzido pela Associação da Mostra, que já gerou o documentário "Bem-Vindo a São Paulo". Assim como o filme anterior, "Mundo Invisível" será dividido em episódios entregues a diferentes diretores, todos como uma ideia comum ¿ mostrar histórias de pessoas que passam despercebidas no dia-a-dia. Wenders e o italiano Marco Becchis já participaram do projeto em 2008 e não está descartada a hipótese de novos convidados também deixarem sua marca.

Assista ao trailer de "À Procura de Eric":

Serviço - 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo
De 22 de outubro a 05 de novembro de 2009

Pacotes de ingressos
Permanente Integral: R$ 390
Permanente Integral Folha (15% de desconto para o titular): R$ 331,50
Permanente Especial: R$ 90
Permanente Especial Folha (15% de desconto para o titular): R$ 76,50
Pacote de 40: R$ 285
Pacote de 20: R$ 165

Ingressos individuais
De segunda a quinta-feira: R$ 14 (inteira) e R$ 7 (meia-entrada)
De sexta a domingo: R$ 18 (inteira) e R$ 9 (meia-entrada)

Vendas pela Internet (com até quatro dias de antecedência): Ingresso.com

Central da Mostra
Conjunto Nacional (Av. Paulista, 2073)
Telefones: (11) 3266-5549 / 3266-5490

- O desconto de 15% da Folha é válido somente para o assinante titular, pessoa física
- Titulares do Cartão Petrobras e trabalhadores do sistema Petrobras têm desconto de 50% na compra de até dois ingressos por sessão para titulares nas bilheterias dos cinema, ou na compra de credenciais e passaportes; o cartão ou crachá devem ser apresentados na ocasião
- Estudantes terão descontos somente na compra de ingressos individuais diretamente nas salas de cinema ou pelo site da Ingresso.com. O desconto a estudantes não se estende às permanentes e aos pacotes promocionais

Leia mais sobre: Mostra de São Paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG