Aberto processo contra ex-prefeito em São Paulo

SÃO PAULO - A 2ª Vara Federal de Sorocaba recebeu denúncia do Ministério Público Federal (MPF) no município e abriu processo contra o ex-prefeito de Ibiúna, Fábio Bello de Oliveira, o ex-presidente da Comissão Municipal de Licitação de Ibiúna, Edson Luiz Soares, e o Diretor-Geral da La Fleche Veículos, Fábio Correa Lima, por supostamente terem participado do esquema de corrupção conhecido como Máfia das Sanguessugas.

Agência Estado |

Eles foram denunciados por fraude no processo de licitação para a compra de veículos e gabinetes médicos.

Para o MPF, os acusados fraudaram o caráter competitivo da licitação, pois o convênio assinado com o Ministério da Saúde previa um único procedimento para a compra de dois veículos tipo van e aquisição de dois gabinetes médicos.

Apesar disso, os acusados fizeram duas licitações separadas, uma para a aquisição dos veículos e outra para a aquisição dos gabinetes médicos, o que é irregular.

Eles ainda utilizaram sistema de "carta-convite", que possibilitou a escolha prévia apenas das empresas licitantes Delta e La Fleche para disputar a licitação.

Em um dos procedimentos, a empresa vencedora foi a Delta e, no outro, a La Fleche, segundo o MPF. Além disso, com a modalidade de licitação, a empresa Delta conseguiu colocar um preço 51,62% mais caro do que praticado no mercado, segundo atesta um laudo contábil.

Leia mais sobre: Máfia das Sanguessugas

    Leia tudo sobre: máfia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG