580 mil veículos devem usar o sistema Anhanguera-Bandeirantes

SÃO PAULO - A concessionária Autoban, responsável pelas rodovias Anhanguera e Bandeirantes, que vão em direção ao interior de São Paulo, estima que 580 mil veículos passem pelas vias, entre a saída e chegada à capital paulista neste feriado de Páscoa.

Redação |

No sentido interior, os horários de pico previstos para o sistema estão entre as 17h e as 21h da quinta-feira, dia 9, e entre as 9h e as 13h da sexta-feira, dia 10. Na volta para São Paulo, o fluxo mais intenso de veículos deve ocorrer entre as 16h e as 22h do domingo, dia 12.

A Autoban informa que durante o feriado as obras que podem interferir no tráfego serão suspensas. Estarão disponíveis para os motoristas 60 veículos, como guinchos e ambulâncias, e uma equipe de 140 pessoas, para atender possíveis ocorrências. No Sistema Anhangüera-Bandeirantes há 548 telefones de emergência, um a cada quilômetro das duas pistas das rodovias.

Haverá a distribuição de 50 mil folhetos nas praças de pedágio do quilômetro 26 da via Anhanguera, sentido interior, e nos pedágios nos quilômetros 77, sentido interior, e 159, sentido capital, da rodovia dos Bandeirantes. Os folhetos fazem parte de uma campanha de conscientização sobre a forma adequada e segura de transportar bebês e crianças.

Caminhões

Entre as 14h e as 22h do domingo, os caminhões que seguem a São Paulo deverão utilizar a via Anhangüera, no trecho que vai do quilômetro 47 ao 23, entre Jundiaí e São Paulo, tendo acesso à rodovia pela saída 48 da Bandeirantes. Além do desvio, os motoristas de caminhões devem utilizar a faixa da direita. Haverá fiscalização da Polícia Militar Rodoviária.

Durante o feriado de Páscoa do ano passado cerca de 550 mil veículos passaram pelo sistema Anhanguera-Bandeirantes e houve 65 acidentes, com 44 vítimas, nenhuma  delas fatal.

Leia também:

Leia mais sobre: estradas


    Leia tudo sobre: estradas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG