Mesmo tendo sido condenada a 39 anos de prisão por ter assassinado os seus próprios pais, a detenta goza do benefício, por estar no regime semiaberto

Suzane von Richthofen deixou a prisão na manhã de hoje ao lado do noivo; na foto, ela gozava da saída do Dia das Mães
Luara Leimig/TV Vanguarda
Suzane von Richthofen deixou a prisão na manhã de hoje ao lado do noivo; na foto, ela gozava da saída do Dia das Mães

A detenta Suzane von Richthofen – que está presa desde 2002, condenada a 39 anos de detenção, por matar os próprios pais, em um crime que chocou o País – deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé, no interior paulista, nesta quinta-feira (9). O motivo? Vai gozar da saída temporária do Dia dos Pais.

Leia também: Suzane é tietada e requisitada para selfies durante saídas temporárias

Apesar de não ter mais seu pai, a detenta recebe tal benefício por estar cumprindo sua pena, atualmente, em regime semiaberto, além de ter apresentado um bom comportamento dentro da cadeia.  Suzane von Richthofen deixou a prisão hoje às 8h10 e deve voltar à cadeia apenas na próxima segunda-feira (13).

No momento em que deixou a prisão do Tremembé, Suzane foi recepcionada pelo seu namorado com um beijo. Depois, seguiu com ele até um carro e abandonou o local, sem falar com a imprensa.

Há três anos, Suzane está no regime semiaberto. Agora, sua defesa trabalha na tentativa de progredir sua pena para o regime aberto, quando ela poderá deixar a prisão e cumprir o resto da pena em liberdade, mesmo que sob a supervisão do sistema prisional. 

Ela obteve a progressão do regime fechado para o semiaberto em outubro de 2015. A primeira saída dela aconteceu em março de 2016, beneficiada pela saída temporária de Páscoa. Ainda em 2018, ela já gozou da saída temporária de Páscoa e do Dia das Mães

Em maio, Suzane foi submetida ao teste de Rorschach, o chamado "teste do borrão de tinta", que é uma avaliação psicológica feito pela Justiça. Ela estaria relutante em se submeter ao procedimento, e a defesa tentou argumentar que teria direito a sair da cadeia por ter cumprido "tempo suficiente de pena" e também por apresentar "bom comportamento". 

Atualmente, ela tenta a progressão para o regime aberto, quando pode deixar a prisão e cumprir o restante da pena em liberdade, mas sob a supervisão do sistema prisional. O pedido corre na justiça há cerca de um ano e não há prazo para que a decisão seja tomada sobre sua saída.

Outra detenta "famosa" que saiu da prisão hoje é Anna Carolina Jatobá , condenada a 26 anos e oito meses pela morte da menina Isabela Nardoni, sua enteada. Não foi informado o destino de Anna Carolina, mas, assim como Suzane, ela deve retornar ao presídio na próxima terça.  

Leia também: Ex-namorado de Suzane von Richthofen, Daniel Cravinhos deixa a cadeia

O marido de Jatobá, Alexandre Nardoni, também está preso em Tremembé. Ambos pediram a redução da pena ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas aguardam a análise do pedido. Suzane von Richthofen não tem relação conhecida com o casal Nardoni dentro da prisão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.