Forças Armadas e polícia de Niterói fazem operação para prender 26 no Rio

Objetivo da operação batizada de Dose Dupla é cumprir, além dos mandados de prisão, dois de apreensão de adolescentes e 34 de busca e apreensão
Foto: Divulgação/PMRJ
Agentes da PM e das Forças Armadas atuam em parceria em operação em Niterói, no Rio de Janeiro

As Forças Armadas e os policiais civis e militares do Rio de Janeiro estão dedicados, desde a madrugada desta quarta-feira (16), a uma operação que está sendo deflagrada em comunidades de Niterói, na região metropolitana do estado. 

Leia também: PF deflagra operação contra organização criminosa que movimentou R$ 5,7 bilhões

O objetivo da operação, que foi batizada de Dose Dupla, é cumprir 26 mandados de prisão preventiva, dois de apreensão de adolescentes e 34 de busca e apreensão nas comunidades do Rio de Janeiro .

Ao todo, o Exército e a Marinha estão atuando com um efetivo de 2,6 mil homens, responsáveis pelo cerco de pontos estratégicos.

Além disso, algumas ruas estão interditadas e os espaços aéreos controlados, com restrições para aviões civis, mas sem interferência nas operações dos aeroportos Santos Dumont e Internacional do Galeão. Ainda durante a madrugada, a ponte que liga a cidade à capital chegou a ser fechada.

Dois helicópteros, uma da Marinha e outro do Exército , e 33 blindados dão apoio às ações, além de 120 viaturas de transportes.

Essa é a segunda operação realizada desde a chegada das Forças Armadas no estado fluminense. Na primeira, que foi realizada no último dia 5 de agosto, houve 15 prisões e apreensão de 3 pistolas e duas granadas no complexo do Lins, na zona norte do estado. Na época, foram investigados os crimes relacionados ao roubo de cargas nas estradas do Rio.

Leia também: Governador do RN é alvo de operação da Polícia Federal deflagrada nesta terça

Dessa vez, não há informações ainda de qual seria o foco das investigações. Sabe-se apenas que essa operação faz parte de mais uma etapa do Plano Nacional de Segurança para desmantelar o crime organizado no estado, principalmente o tráfico de drogas.

Toda a Operação Dose Dupla está sendo coordenada pelo Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova, no Rio.

Militar ferido

Um militar do Exército ficou ferido durante um tiroteio na manhã desta quarta, em Niterói . O homem participava da ação na comunidade do Caramujo, quando se envolveu num tiroteio e acabou atingido na mão.

De acordo com a assessoria de imprensa do Exército, o ferimento não é grave. Mesmo assim, a vítima foi encaminhada para um hospital do Rio de Janeiro para ser avaliada.

Leia também: Alvo da PF, governador do Rio Grande do Norte nega ter cometido irregularidades

* Com informações da Agência Brasil.

Link deste artigo: http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2017-08-16/forcas-armadas-rio-janeiro.html