Tamanho do texto

Fuga em massa ocorreu em Jardinópolis; Tropa de Choque e grupamento aéreo da PM auxiliam na recaptura; governo diz que situação 'foi controlada'

Segundo secretaria, penitenciária de Jardinópolis tem capacidade para 1.080 presos e soma, atualmente, 1.864 detidos
Reprodução/TV Globo
Segundo secretaria, penitenciária de Jardinópolis tem capacidade para 1.080 presos e soma, atualmente, 1.864 detidos

Um grupo de presidiários promoveu na manhã desta quinta-feira (29) rebelião no Centro de Progressão Penitenciária de Jardinópolis, cidade que fica a 335 quilômetros da capital paulista, na região de Ribeirão Preto. Durante o motim, cerca de 200 detentos conseguiram fugir da prisão ao derrubarem uma grade de aproximadamente quatro metros de altura.

Policiais da Tropa de Choque e do grupamento aéreo da Polícia Militar foram mobilizados para auxiliar na captura e cerca de 100 detentos já teriam retornado ao centro de detenção, conforme reportou a "EPTV", afiliada da Rede Globo na região. 

O tumulto teve início no momento em que era feita uma revista de rotina e os encarcerados aproveitaram para fugir.

LEIA TAMBÉM:  Metalúrgicos fecham vias em SP em ato contra reformas propostas pelo governo 

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou que não há reféns com os detentos e que a situação já "estaria sob controle". Não há ainda detalhes da fuga. Segundo a SAP, essa unidade prisional tem capacidade para 1.080 presos e soma, atualmente, 1.864 detidos.

*Com informações da Agência Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.