Tamanho do texto

Temporais só não estão previstos para algumas capitais do Nordeste e do Sul; protestos ocorrem em mais de 400 cidades

Manifestantes fazem protesto contra a presidente da República em São Paulo, em dezembro
Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas
Manifestantes fazem protesto contra a presidente da República em São Paulo, em dezembro


Boa parte das centenas de manifestações contra a presidente Dilma marcadas para este domingo (13) poderão ocorrer sob chuva – incluindo em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. A previsão é da Climatempo e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Com previsão de receber o maior número de pessoas entre todos os atos em território nacional, São Paulo terá um dia nublado, com abertura do tempo pela tarde, mas com possibilidade de temporais – 40% de chance de chuva. 

O clima é semelhante ao do Rio, Belo Horizonte e Brasília, onde grandes protestos também são previstos, com sol e templo nublado e possibilidade de chuva a qualquer hora do dia. 

É grande a possibilidade de temporais também em cidades do Nordeste, como Salvador, Recife e Natal, assim como em todas as capitais da região Norte.

No Sul, por sua vez, a chance de chuva é pequena em Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, esta última com atos que apoiam a presidente sendo realizados concomitantemente àqueles organizados por seus detratores – caso também da capital pernambucana. 

Confira abaixo mais detalhes nas cinco regiões do País:

Sudeste
Com mínimas de 17ºC e máximas de 24ºC, São Paulo terá o dia será nublado, com aberturas de sol pela tarde e possibilidade de chuva. O clima será semelhante ao do Rio, Belo Horizonte e Vitória, respectivamente com 22ºC/29ºC, 22ºC/28ºC e 23º/32ºC. 

Sul
Em Florianópolis (SC), o domingo será de muitas nuvens, com possibilidade de chuva a qualquer hora. As mínimas previstas são de 15ºC e as máximas, de 22ºC. O clima é parecido ao de Porto Alegre, mas na capital gaúcha, com termômetros variando entre 16ºC e 27ºC, não deve chover. Em Curitiba (PR), as temperaturas ficam entre 15ºC e 22ºC, com garoas esparsas a qualquer momento. 

Manifestantes protestam contra a presidente Dilma Rousseff em Belo Horizonte, em dezembro
Lincon Zarbietti / O Tempo
Manifestantes protestam contra a presidente Dilma Rousseff em Belo Horizonte, em dezembro

Centro-Oeste
À exceção de Campo Grande, o Centro-Oeste também será marcado por temporais. Cuiabá e Goiânia, por exemplo, terão dias marcados por sol pela manhã e pancadas de chuva à tarde e à noite. As temperaturas nas três capitais ficam, respectivamente, entre 17ºC e 31ºC, 24ºC e 33ºC e 21ºC e 32ºC. No Distrito Federal, onde é esperado um grande ato contra a presidente, podem ocorrer pancadas de chuva a qualquer momento, com os termômetros ficando entre 19ºC e 28ºC.

Nordeste
No Nordeste também há possibilidade de pancadas de chuva ao longo do dia em várias capitais. É o caso de Fortaleza, onde os termômetros ficam entre 26ºC e 32ºC, Recife, entre 26ºC e 31ºC, João Pessoa, entre 23ºC e 31ºC, e Teresina, entre 24ºC e 32ºC. Por sua vez, em Salvador, Natal, Aracaju e Maceió, onde a probabilidade de temporais é baixa, o dia será marcado por sol entre nuvens. 

Norte
Podem ocorrer pancadas de chuva em Rio Branco e Belém, com mínimas 22ºC a 33ºC e 25ºC a 31ºC, respectivamente. Em Manaus, a temperatura fica entre 25ºC a 31ºC e também pode chover a qualquer momento, assim como em Boa Vista, Palmas, Porto Velho e Macapá. 

Dilma em encontro com Lula após acirramento de ações contra seu padrinho na Presidência
Ricardo Stuckert/Instituto Lula
Dilma em encontro com Lula após acirramento de ações contra seu padrinho na Presidência


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.