Senador publicou imagem da via vazia em dia de chuva no Facebook e criticou o prefeito da capital, Fernando Haddad

Senador José Serra (PSDB-SP) recebeu enxurrada de críticas após publicação no Facebook
Pedro França/Agência Senado
Senador José Serra (PSDB-SP) recebeu enxurrada de críticas após publicação no Facebook

Em uma publicação no Facebook neste domingo (29), o senador José Serra (PSDB-SP) criticou o fechamento da Avenida Paulista, em Sao Paulo, para lazer, e causou revolta na rede social. O político ainda disparou contra o prefeito da capital paulista, Fernando Haddad (PT-SP), e a presidente Dilma Rousseff.

Junto a uma foto da Avenida Paulista vazia e com o tempo chuvoso, Serra disse ter demorado 30 minutos para cruzar a via e chegar até a casa de um amigo, que fica perto daquela região, pois precisou usar as ruas que ficam no entorno da avenida. O senador ainda reforçou ter demorado 40 minutos no congestionamento na volta para casa.

Publicação do senador José Serra no Facebook critica o fechamento da Avenida Paulista para lazer
Reprodução/Facebook
Publicação do senador José Serra no Facebook critica o fechamento da Avenida Paulista para lazer

No entanto, Serra foi altamente criticado por rechaçar o fechamento da via aos domingos e publicar uma imagem da via na tarde de ontem, dia em que a cidade chegou a entrar em estado de atenção por causa de temporais que provocaram alagamentos em alguns pontos da capital.

"Mas é claro, no dia da maior chuva do ano. É muita desonestidade intelectual mesmo. Cara de pau", escreveu uma internauta. "Senador, por que o Sr. não usou o metrô?", questionou outro ironicamente. Ainda teve quem perguntasse o porquê de Serra não falar do fechamento das escolas ou a escassez de água que São Paulo enfrenta. 

Após a publicação de José Serra, diversos gifs com a foto da Avenida Paulista vazia e em dia de chuva já se espalharam pela internet. Confira alguns abaixo:



Procurado pelo iG  por meio da assessoria de imprensa, o senador não comentou o assunto.

Veja algumas das críticas ao senador José Serra na galeria abaixo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.