Duas vítimas de acidente em plataforma no Espírito Santo continuam internadas

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

No acidente, pelo menos seis pessoas morreram e 33 precisaram de cuidados médicos

Agência Brasil

Um  funcionário do navio-plataforma Cidade de São Mateus, cuja sala de bombas explodiu no dia 11 de fevereiro, em Vitória, no Espírito Santo, teve alta ontem (24). Segundo nota divulgada pela empresa BW Offshore, que opera a plataforma a serviço da Petrobras. Os dois internados estão em uma situação estável.

Encontrada sexta vítima fatal de explosão em plataforma no Espírito Santo

Mergulhadores especializados fazem reparos em navio-plataforma da Petrobras

No acidente, pelo menos seis pessoas morreram e 33 precisaram de cuidados médicos, dos quais 31 já receberam alta. As buscas por três funcionários desaparecidos continuam.

A BW Offshore informou que continua mantendo trabalhos dentro da plataforma, para mantê-la estável e garantir que as buscas sejam feitas em segurança. A Cidade de São Mateus produzia petróleo nos campos de Camarupim e Camarupim Norte, na Bacia do Espírito Santo, cuja petrolífera operadora é a Petrobras.

  Ambulâncias aguardam chegada das vítimas transportadas por helicóptero. Foto: Divulgação 
Plataforma da Petrobras explode no ES e deixa mortos e feridos
. Foto: Petrobras/DivulgaçãoAinda não está claro o que provocou a explosão em plataforma da Petrobras no Espírito Santo. Foto: Reprodução/PetrobrasImagens aéreas mostram a plataforma da Petrobras no Espírito Santo. Foto: Reprodução/YoutubeExplosão em plataforma da Petrobras deixou mortos e feridos. Foto: Reprodução/YoutubeExplosão em plataforma da Petrobras. Foto: Reprodução/PetrobrasExplosão em plataforma da Petrobras. Foto: Reprodução/PetrobrasO balão verde mostra no mapa a localização da FPSO Cidade São Mateus, plataforma da Petrobras no litoral do Espírito Santo. Foto: Reprodução/PetrobrasValor de mercado da Petrobras equivale a um terço do registrado há apenas quatro meses. Foto: Reuters Aldemir Bendine assumiu a presidência da Petrobras na última sexta-feira(6). Foto: Valter Campanato/ABr


Leia tudo sobre: navioplataformapetrobrasvítimas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas