Chuvas elevam nível do Sistema Cantareira pela primeira vez em 2015

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Volume subiu para 5,1%, contra 5% ontem, segundo medição da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo

Agência Brasil

O nível dos reservatórios do Sistema Cantareira registrou nesta terça-feira (3) a primeira alta de 2015. O volume subiu para 5,1%, contra 5% ontem, de acordo com medição da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). A ligeira elevação é resultado das chuvas sobre o manancial nos últimos dias.

Agência Nacional de Águas reduz vazão de reservatórios do Rio Paraíba do Sul

Falta d'água ameaça segurança alimentar no Brasil, diz chefe da ONU

Desde domingo (1º), choveu 23,2 milímetros (mm) no Cantareira, pouco acima da média histórica, que é 21,33mm. No entanto, a precipitação do mês de janeiro fechou bem abaixo do esperado. No acumulado, foram 148,2mm de chuva, equivalente a apenas 54,66 % da média histórica para o mês (271,1mm).

A última elevação no nível do Cantareira foi observada em 26 de dezembro do ano passado. Na época, a alta chegou a 0,2 ponto percentual, passando de 7,2%, em 25 de dezembro, para 7,4% no dia 26.

Outro manancial com leve melhora foi o Alto Tietê, que subiu de 11% para 11,1%. A chuva acumulada neste início de mês é 14,9mm. O resultado do mês anterior está abaixo do esperado. Choveu somente 103,8mm, equivalente a 41,27% da média histórica do mês (251,5mm).

Leia também: Prefeito de São Paulo anuncia projeto para punir uso abusivo de água

De ontem para hoje, o Sistema Guarapiranga, que também abastece São Paulo, ficou equilibrado em 47,9%. Esse manancial registra volume de chuvas acumulado de 6,4mm nos três primeiros dias de fevereiro. O acumulado de janeiro fechou em 248mm. O resultado é positivo, já que a média histórica para o mês é 229,3mm.

Vaca caminha pela Represa Jacareí, no dia 29 de janeiro: normalmente ali teria água. Foto: Futura PressSituação calamitosa da Represa Jacareí, parte do Sistema Cantareira, no dia 29 de janeiro. Foto: Futura PressCarro no meio na Atibainha devido ao baixo nível da represa: cenário desolador. Foto: Futura PressPedalinhos inutilizados na Represa Atibainha, parte do Cantareira, em janeiro. Foto: Futura PressRepresa Atibainha, em janeiro de 2015. Foto: Futura PressLixo surge na Represa de Atibainha, em janeiro. Foto: Futura PressEm protesto contra a falta de água, governador Geraldo Alckmin é ironizado por manifestantes (26/01/2015). Foto: AP PhotoEm São Paulo, moradores organizaram uma passeata contra a falta de água. Foto: AP PhotoMoradores protestam contra a falta de água em São Paulo (26/01/2015). Foto: AP PhotoProtesto 'Banho Coletivo na casa do Alckmin', na manhã desta segunda-feira (23), em frente ao Palácio dos Bandeirantes. Foto: Futura PressFalta de água em São Paulo se agrava e motiva protestos . Foto: AP PhotoRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em setembro; veja mais imagens da situação dos reservatórios do Sistema Cantareira. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em foto de setembro. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em foto de setembro. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura PressSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia Stavis


Leia tudo sobre: sistema cantareiracantareirachuvasecacrise hídrica

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas