Guardas municipais são presos após perseguir e atirar em casal e filhas em Goiás

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Dentro do carro, foram encontrados uma pistola, um arma de brinquedo, um cachimbo e uma porção de crack

Dois guardas municipais foram presos após perseguir e atirar contra o carro de uma família com cinco pessoas pelas ruas de Aparecida de Goiânia, em Goiás, na noite de ontem (13). Ninguém ficou ferido.

Segundo a Polícia Civil, dois policiais militares que faziam patrulha na avenida Furnas ouviram o barulho de tiros e em seguida viram passar um Gol preto, onde estavam uma mulher, o marido e as três filhas, uma delas com um ano, e um Gol branco, onde estavam os guardas municipais.

Os policiais passaram a perseguir os dois veículos. Eles relataram que ouviram mais cinco disparos até o carro da família parar em uma delegacia.

O Gol branco continuou por mais uns metros até que que os guardas municipais pararam e foram presos. Eles estavam em um carro descaracterizado e sem farda.

Dentro do carro foram encontrados uma pistola 380, uma arma de brinquedo, um cachimbo e uma porção de crack.

A polícia não informou os motivos da perseguição. O caso foi registrado no 1º DP de  Aparecida de Goiania como tentativa de assassinato.

Leia tudo sobre: perseguiçãocrackgoiásguardas municipais

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas