Homens presos não tiveram a identidade revelada; a primeira prisão aconteceu na última quinta-feira e a outra, hoje

A Polícia Civil de Goiás prendeu dois suspeitos de envolvimento na morte de 15 mulheres assassinadas em Goiânia desde o início do ano. Os suspeitos não tiveram a identidade reveladas

Um dos homens foi preso na madrugada deste sábado (9), na cidade de São Luis dos Montes Belos, a 120 km de Goiânia. Em filmagens de circuíto interno de segurança, o homem aparece roubando uma padaria após a morte de uma das vítimas no último fim de semana. À polícia, o homem disse que roubou a padaria, mas negou participação nos assassinatos. 

A primeira prisão aconteceu na última quinta-feira (7). Segundo a polícia, um homem moreno claro e alto (cerca de 1,80) já vinha sendo monitorado. Em depoimento, o suspeito também negou envolvimento nas mortes de mulheres por motociclistas.

Leia também: População realiza protesto contra morte de jovens em Goiânia
"Ela iria casar no fim do ano", diz irmã de jovem morta por motociclista em GO
Polícia de Goiânia faz megaoperação para tentar resolver série de crimes
Família de mulher morta em Goiânia oferece R$ 10 mil por pistas
Vídeo mostra motociclista suspeito de matar menina em Goiânia

Na casa do suspeito, foram encontrados uma moto preta, alguns capacetes e roupas também pretas. O homem permanece detido até o final da força-tarefa da Polícia Civil.

Veja as fotos das vítimas:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.