Metrô de São Paulo lança campanha contra assédio sexual

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

A partir desta quarta-feira, a companhia irá veicular vinheta nos monitores internos dos trens

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Mulheres vítimas de assédio no transporte público reclamam de humilhação

Depois da série de denúncias que tomou conta do notíciário nas últimas semanas, o Metrô de São Paulo decidiu lançar uma campanha de conscientização contra o abuso sexual nos vagões e plataformas.

Desde a última sexta-feira (4) o recado está sendo difundido pelos perfis oficiais da companhia nas redes sociais, mas a partir desta quarta-feira (9) um vinheta passará a ser veiculada nos monitores internos dos trens.

A empresa também promete fixar cartazes nas composições e estações e distribuir folhetos aos usuários nos horários de pico.

Leia também: Número de furtos e roubos dispara no Metrô de São Paulo

Sistema de R$ 750 milhões que reduz espera no Metrô só funciona aos domingos

“O Metrô repudia o abuso sexual, crime que deve ser combatido dentro e fora do transporte público”, afirmou a companhia em nota oficial. “A empresa trabalha continuamente com campanhas de cidadania e de alerta aos usuários sobre condutas que possam colocar em risco a segurança de todos.”

Para denúncias por meio de SMS, o Metrô divulga o número 97333-2252.

Na semana passada o iG revelou que os crimes no metrô dispararam nos últimos tempos.

Assista ao vídeo:


Leia tudo sobre: metrôcampanhaassédio sexualcrimesigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas