Nível de reservatórios do Sudeste e Centro-Oeste fica abaixo da meta prevista

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Previsão foi mudada ao longo de março. Chegou a ficar em 40,7%, passou para 38,2% e, na última semana, foi revisado para 36,9%. Índice fechou o mês em 36,27% da capacidade

Agência Brasil

O nível dos reservatórios das hidrelétricas das regiões Sudeste e Centro-Oeste chegou a 36,27% da capacidade máxima nesta segunda-feira (31). A expectativa do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) era que o nível de água desse sistema, responsável pela geração de 70% da energia consumida no País, estivesse em 36,9% no último dia de março.

Leia também: País constrói hidrelétricas sem reservatório e pode precisar da energia nuclear

Veja abaixo imagens do sistema Cantareira, em São Paulo:

Sistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia Stavis

Essa previsão foi mudada ao longo do mês de março. Na primeira semana, a estimativa era que o nível dos reservatórios chegasse a 37,9% nesta sexta-feira. Depois, a previsão aumentou para 40,7%, passou para 38,2% e, na última semana, o número foi revisado para 36,9%.

Agora, a expectativa do ONS para abril é que o nível dos reservatórios do sistema Sudeste/Centro-Oeste chegue a 38,1% na próxima sexta-feira (4) e a 40,6% no último dia de abril (30). De acordo com o Programa Mensal de Operação do ONS, as vazões naturais previstas para a próxima semana para o subsistema Sudeste/Centro-Oeste estão em ascensão em relação às verificadas esta semana. A previsão é que a chuva varie de fraca a moderada nas bacias deste subsistema, devido à passagem de uma frente fria.

No início de janeiro, o nível dos reservatórios do Sudeste e Centro-Oeste estava em 43,3% da capacidade máxima de armazenamento e chegou a 34,6% no início de março.

Leia tudo sobre: falta de águacantareirareservatóriosons

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas