Amapá corrige para 4 o número de desaparecidos após rompimento de barragem

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Acidente ocorreu por volta das 3h da manhã de hoje causado pelo rompimento de uma braçadeira de uma barragem do rio

Agência Brasil

A Secretaria de Comunicação do governo do Amapá corrigiu no início da noite de hoje (29) a informação de que 11 pessoas desapareceram por causa de um rompimento na barragem da Usina Hidrelétrica de Santo Antônio, no município de Laranjal do Jari (AP). Segundo a secretaria, há quatro desaparecidos.

TCE/Divulgação
Usina Hidrelétrica de Santo Antônio: barranco cedeu sobre um guindaste e não atingiu moradias

O acidente ocorreu por volta das 3h da manhã deste sábado, causado, segundo as primeiras informações, pelo rompimento de uma braçadeira da parte de uma barragem de desvio do rio. O barranco cedeu sobre um guindaste e não atingiu moradias, pois trata-se de uma barragem secundária, distante das vilas.

Leia: Sobe para 15 número de mortos em acidente entre caminhão e ônibus em Manaus

Mais: Operário morre durante montagem das arquibancadas da Arena Corinthians

O Corpo de Bombeiros da 7ª Companhia, com base em Laranjal do Jarí, fez o atendimento e equipes de mergulhadores de Macapá foram enviadas para ajudar nas buscas dos trabalhadores desaparecidos.

Segundo nota do governo do estado, todas as providências relativas à segurança já foram tomadas e somente após realizada a perícia pela Polícia Técnico-Científica do Amapá e pelo Corpo de Bombeiros será possível afirmar as causas do acidente.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas