Modelo é baleada durante assalto em Goiás e tem visão afetada

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Crime aconteceu no dia 27 de fevereiro. Durante cirurgia, médicos constataram que Lorrane não teve lesões neurológicas

A modelo Lorrane Melo, de 27 anos, que foi baleada na cabeça na cabeça durante um assalto em Goiás, no final de fevereiro, está internada no Hospital de Urgências de Goiânia, onde passou por uma cirurgia nesta quinta-feira (6). De acordo com informações do hospital, a bala foi retirada e Lorrane não teve lesões neurológicas, mas atualmente não enxerga do olho direito e nem consegue movimentá-lo.

Lorrane Melo, 27 anos, foi baleada durante assalto no final de fevereiro. Foto: Reprodução/FacebookAtualmente ela não enxerga do olho direito e nem consegue movimentá-lo. Foto: Reprodução/FacebookDurante o procedimento os ossos do rosto foram reconstruídos com enxerto de material sintético. Foto: Reprodução/FacebookLorrane estava rendida, com filho nas costas, quando levou um tiro em assalto. Foto: Reprodução/FacebookA polícia conseguiu prender um dos suspeitos, que assumiu ter feito o disparo. Foto: Reprodução/Facebook

Os fragmentos da bala alojados no céu da boca e língua foram totalmente retirados na cirurgia. Ainda segundo o hospital, durante o procedimento os ossos do rosto foram reconstruídos com enxerto de material sintético.

Assalto

Lorrane foi baleada durante um assalto que aconteceu no dia 27 de fevereiro, no Setor Bairro Feliz, quando ela saía de casa dos sogros na companhia do filho e do noivo. A família foi abordada por três homens e todos foram mantidos como reféns.

O filho da modelo, de 1 ano e 4 meses, foi colocado próximo dos familiares, mas a criança subiu nas costas da mãe. Logo em seguida, um dos assaltantes efetuou o disparo que atingiu a cabeça de Lorrane. A criança não teve ferimentos.

Durante a fuga, um dos assaltantes deixou um celular cair no jardim da casa. Com isso, a polícia conseguiu prender um dos suspeitos, que assumiu ter feito o disparo. O rapaz foi encaminhado para a base avançada da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária e Justiça.

Leia tudo sobre: crimeassaltogoiás

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas