Laudo apresentou resultado insatisfatório em análise de teor de princípio ativo no medicamento. Empresa deve recolher o estoque existente de claritomicina

Agência Brasil

A resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada nesta sexta-feira (24) no Diário Oficial da União determina a suspensão da distribuição, do comércio e do uso, em todo o território nacional, do lote 438569 do antibiótico Claritromicina 250mg/5ml grânulos para suspensão oral, fabricado pela empresa EMS S/A.

Conheça a home do Último Segundo

De acordo com o texto, laudo da Fundação Ezequiel Dias apresentou resultado insatisfatório em análise de teor de princípio ativo no medicamento. A Anvisa determinou ainda que a empresa promova o recolhimento do estoque existente no mercado relativo ao lote em questão.

A resolução entra em vigor a partir de hoje.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.