Dilma vai ao Espírito Santo nesta terça-feira após fortes chuvas

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Presidente deve voltar a Brasília no mesmo dia. Região soma seis mortos, 45 feridos e mais de 40 mil desalojados

AP
Dilma deve sobrevoar região do Espírito Santo castigada pelas chuvas

A presidenta Dilma Rousseff irá viajar amanhã (24) ao Espírito Santo e deve fazer um sobrevoo na região após as fortes chuvas que causaram a morte de seis pessoas, deixaram 45 feridos e mais de 40 mil desabrigados ou desalojados. A programação ainda não foi informada pela Presidência da República. A viagem na véspera do Natal começa na manhã de terça-feira, e Dilma deve retornar a Brasília no final do dia.

Conheça a home do Último Segundo

O Espírito Santo vem sofrendo nos últimos dias com fortes temporais. Com estado de emergência decretado em 45 de seus 78 municípios, desde o último sábado, o Espírito Santo vem sendo fortemente castigado pelas fortes chuvas que atingem a região há sete dias e já causaram seis mortes, deixaram 45 feridos e mais de 40 mil desabrigados ou desalojados.

Sobe para seis o número de mortos por causa das chuvas no Espírito Santo

Nas últimas 24 horas, choveu 130 milímetros no estado, o que provocou o desabamento de cinco casas na capital, Vitória, e queda de barreiras em Serra e Viana. A chuva já provocou estragos em 45 municípios, dos quais 22 entraram com pedido de situação de emergência ou estado de calamidade pública.

Veja imagens das chuvas no Espírito Santo:

Chuva ainda causa estragos e alagamentos em Serra (ES) nesta terça-feira (24/12). Foto: Flávio GSouza/Futura PressDilma Rousseff sobrevoa áreas atingidas pela chuva no Espírito Santo (24/12). Foto: Roberto Stuckert Filho/PR Chuva causou estragos e alagamentos na rodovia ES-010, na cidade de Serra (23/12). Foto: Alex Gouvêa/Futura PressAlagamentos no bairro Jacaraípe, em Serra (ES. Defesa Civil oferece apoio aos atingidos (23/12). Foto: Alex Gouvêa/Futura PressSegundo a Defesa Civil, uma pessoa morreu no domingo, no município de Itaguaçu (22/12). Foto: Defesa Civil/ESEstado do Espírito Santo foi atingido por forte chuvas no final de semana; mais de 40 mil deixaram suas casas (21/12). Foto: Defesa Civil/ES

O governo do Espírito Santo decretou situação de emergência em todas as áreas afetadas por desastres decorrentes das últimas chuvas. A Defesa Civil estadual alerta para o risco muito alto de inundação e deslizamento de terra na região serrana e a possibilidade de alagamentos nos municípios de Linhares e Colatina devido à alta do Rio Doce, que já subiu mais de 6 metros.

O governador Renato Casagrande promoveu reunião com várias secretarias que compõem o gabinete de acompanhamento das ações tomadas em relação às fortes chuvas e para amenizar as consequências por elas causadas. Participaram do encontro, além dos secretários estaduais, representantes de órgãos federais no estado que organizam a atuação das forças de apoio aos municípios durante o Natal.

Leia tudo sobre: espírito santochuvas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas