Espírito Santo decreta situação de emergência por causa das chuvas

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo a Defesa Civil, número de mortos aumentou para cinco; duas pessoas foram soterradas em Parajú

O Espírito Santo decretou situação de emergência por causa das chuvas que atingem o Estado. Segundo a Defesa Civil, o número de mortos aumentou para cinco, depois que foram confirmadas as mortes de duas pessoas em Parajú.

Conheça a home do Último Segundo

Defesa Civil/ES
Segundo a Defesa Civil, cinco pessoas morreram nas chuvas do ES

As vítimas, uma senhora e um jovem, foram soterrados por deslizamentos de terra. As outras três vítimas já confirmadas são dos municípios de Colatina, Nova Venécia e Baixo Guandu.

Ainda de acordo com dados da Defesa Civil, subiu para 20.902 o numero de pessoas que precisaram deixar suas casas, sendo 3.535 desabrigados e 17.367 desalojados. O levantamento de pessoas afetadas pelas chuvas continua prejudicado pela dificuldade de acesso as áreas afetadas.

A previsão do órgão é de que a chuva continue intermitente nos próximos dias, podendo causar transtornos.

Relembre: Chuvas no Espírito Santo causam pelo menos três mortes

Os municípios mais afetados são: Santa Leopoldina, Santa Tereza, Venda Nova do Imigrante, Cariacica, Viana, Vila Velha, Serra, Vitória, Afonso Claudio, Itaguaçu, Conceição do Castelo, Itarana, Muniz Freire, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Castelo, Laranja da Terra, Vargem Alta, Agua Doce do Norte, Águia Branca, Alto Rio Novo, Aracruz, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Colatina, Conceição da Barra, Fundão, João Neiva, Linhares, Ibiraçu, Mantenópolis, Nova Venécia, Pancas, Rio Bananal, São Domingos do Norte, São Mateus, Vila Pavão, Vila Valério, Bom Jesus do Norte, Cachoeiro de Itapemirim, Guarapari, Ibatiba e Jeronimo Monteiro.

Leia tudo sobre: chuvasespirito santotemporalalagamentoemergência

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas