'Eu levei a população', diz punk que puxou manifestantes para subir o Congresso

Por Nivaldo Souza - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Jovem de 20 anos diz representar movimento 'sócio-cultural anarco-punk'; reportagem o flagrou driblando polícia para subir no Senado

Após uma série de tentativas de parte dos cerca de 5 mil manifestantes que ocuparam os gramados do Congresso Nacional nesta terça-feira (17), um jovem de 20 anos, loiro, com a lateral do cabelo rapado e vestindo jaqueta de couro com símbolos punk foi o primeiro manifestante a subir no Senado, durante protesto em Brasília.

Presidente: ‘É próprio dos jovens se manifestarem’, diz Dilma sobre protestos no País

Distrito Federal: Mais de 5 mil protestam no DF e invadem o Congresso Nacional

São Paulo: Protesto tem mais de 30 mil e fecha principais vias da cidade

Ele se identifica como "Alemão", com medo de ser reconhecido pela polícia, e diz integrar um movimento "sócio-cultural anarco-punk". "A gente invadiu para mostrar à população que podemos fazer alguma coisa diferente", diz.

Protestos pelo País: Mobilizações se espalham por outras capitais e interior

Rio: Manifestantes tentam invadir prédio da Alerj e polícia reage

A subida dos manifestantes para o topo do Congresso ocorreu após 'drible' de um grupo na polícia militar. Enquanto a PM resguardava o espelho d'água central do Senado, o grupo contornou o espelho lateral e subir pela ponta da laje do Senado que toca o asfalto da Esplanada dos Ministérios. A polícia não reagiu à ocupação e os manisfestantes comemoraram o triunfo cantado "Fora Sarney" e o Hino Nacional.

Manifestantes furam o bloqueio policial sobem a rampa do Congresso Nacional e chegam ao teto do Senado Federal. Foto: Agência BrasilManifestantes furam o bloqueio da polícia e chegam ao topo do Congresso Nacional. Foto: Agência BrasilManifestantes protestam em frente ao Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaManifestantes chegam ao topo do Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG BrasíliaMais de 5 mil protestaram em Brasília e marcharam até o Congresso Nacional. Foto: Nivaldo Souza/iG Brasília


O dia foi marcado por protestos em pelo menos nove capitais e no Distrito Federal . Em Brasília, mais de 5 mil pessoas, na sua maioria estudantes, deram início nesta segunda-feira por volta das 17h a partir do Museu Nacional, na Esplanada dos Ministérios, a um protesto convocado nas redes sociais. O grupo seguiu para a frente do Congresso Nacional e a polícia perdeu o controle pouco depois das 19h, quando eles conseguiram subir no teto do Senado. Foi um corre-corre, mas o protesto se manteve pacífico e, em seguida, o acesso foi liberado.

No Rio de Janeiro, pelo menos 40 mil pessoas participaram da manifestação na avenida Rio Branco, uma das principais vias do centro do Rio, segundo a PM.

Em Belo Horizonte, milhares de pessoas aproveitaram o jogo da Copa das Confederações entre Taiti e Nigéria, iniciado às 16h, na Arena Mineirão, para criticar a política brasileira, a corrupção, os gastos públicos com as obras para as Copas das Confederações e do Mundo, em 2014, além de protestar contra o preço do transporte público e a violência registrada em São Paulo, na semana passada. Segundo líderes do movimento, 18 mil pessoas participam da caminhada. A Polícia Militar (PM) estima que sejam 10 mil participantes.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas