A Computer Sciences Corporation (CSC), contratada para gerenciar serviços de visto, iniciou a transição da entrega de passaporte para o Sedex após o caso ir parar na Justiça

Mudança não altera em nada o procedimento para solicitação de visto norte-americano
Agência Brasil
Mudança não altera em nada o procedimento para solicitação de visto norte-americano

A Embaixada dos Estados Unidos no Brasil voltou a entregar nesta sexta-feira (24) os passaportes com visto americano pelo Correios, empresa pública responsável por cartas no Brasil, aos solicitantes do documento. A Computer Sciences Corporation (CSC), contratada pela Embaixada para gerenciar serviços de visto, iniciou a transição da entrega de passaporte para o Sedex.

A mudança não altera em nada, no entanto, o procedimento para solicitação de visto norte-americano. Os interessados continuarão a ter a opção de “devolução em domicílio” ou “retirada no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV)” ao agendar um horário para a entrevista.

Leia mais:
Volume de vistos dos EUA para brasileiros cai 26%
Brasil e EUA assinam declaração de intenção para acabar com vistos
Brasil e EUA devem remover 'barreiras' antes de isentar visto, diz Patriota

Os pedidos de visto que já estão em processamento também serão disponibilizados pelos métodos escolhido na solicitação. Em outubro de 2012, uma decisão da 8ª Vara Federal de São Paulo impediu a devolução dos passaportes pela DHL Express, que até então prestava o serviço para a CSC.

No dia 27 de novembro de 2012, um recurso suspendeu temporariamente a decisão, permitindo assim, que a empresa contratada para realizar as entregas continuasse com suas operações enquanto a CSC buscava uma solução permanente.

Desde então, a CSC negociava com os Correios para transferir a responsabilidade de devolução de passaportes aos solicitantes para o Sedex. O acordo entre as partes foi fechado na quinta-feira (23).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.