Feriado teve 110 mortes nas estradas federais brasileiras

Durante a Operação Independência, que começou na quinta-feira e terminou no domingo foram registrados 2.319 acidentes, que deixaram 1,731 feridos nas estradas brasileiras

Agência Brasil | - Atualizada às

Agência Brasil

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 110 mortes nas rodovias federais durante o feriado de 7 de setembro, sendo 35,42% do total causadas por colisão frontal e 20% por atropelamento de pedestres. Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (10), o número de mortes representa uma diminuição de aproximadamente 10% em relação ao feriado de Semana Santa deste ano , que teve 121 mortes, também em três dias de feriado.

Leia também:  Feriado tem menos acidentes e mais mortes nas rodovias paulistas 

AE
Fila de carros na rodovia dos Imigrantes na volta do feriado de 7 de setembro, em São Paulo

Durante a Operação Independência, que começou na quinta-feira (6) e terminou no domingo (9), foram anotados 2.319 acidentes contra 2.683 do feriado de Semana Santa, representando queda de 13,6%. O número de feridos também diminuiu, passou de 1.731 para 1.438. Minas Gerais, Santa Catarina e Paraná foram os estados com maior ocorrência de acidentes.

"Apesar dos dados ainda serem preocupantes, o balanço da operação deste feriado é positivo, reflete diretamente do trabalho intensificado da PRF na conscientização dos motoristas durante todo o ano juntamente com a maior inspeção nas rodovias federais", disse o chefe de Estatística da PRF, inspetor Stênio Pires.

    Leia tudo sobre: trânsitoferiadoestradas7 de setembro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG