Paraguai prende e expulsa brasileiro acusado de tráfico de drogas

Jair Bandeira Polidoro, conhecido como Coroa, era procurado desde que fugiu da prisão, em Florianópolis, em dezembro

Mario Hugo Monken iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Divulgação
Coroa foi achado baleado em um hospital em Ciudad del Este

A Secretaria Nacional Anti Drogas (Senad) do Paraguai anunciou nesta quarta-feira (11) a prisão e a expulsão do país do brasileiro Jair Bandeira Polidoro, de 42 anos, conhecido como Coroa, acusado de tráfico de drogas no Brasil.

Coroa, que usava um documento falso com o nome de Sydney Jeremias dos Santos, foi preso em um hospital em Ciudad del Este onde estava internado após ser baleado em um incidente não informado pela Senad no último dia 26.

De acordo com o órgão paraguaio, Coroa tinha dois mandados de prisão: um deles por ter fugido de uma penitenciária em Florianópolis (SC) no dia 11 de dezemro quando restava cumprir ainda uma pena de oito anos, dez meses e 11 dias de prisão.

A PF (Polícia Federal) tomou conhecimento que Coroa havia sido baleado e informou às autoridades do país vizinho que ele se encontrava no Paraguai com uma identidade falsa. 

O traficante foi entregue à PF na Ponte Internacional da Amizade, na fronteira entre os dois países.


    Leia tudo sobre: traficante brasileiroParaguai

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG