Brasil e EUA assinam declaração de intenção para acabar com vistos

Países concordaram com a criação do grupo de trabalho sobre assuntos relativos a vistos. O primeiro encontro deve ocorrer até novembro deste ano, em Washington

iG São Paulo |

O Brasil e os Estados Unidos assinaram nesta quarta-feira (11) uma declaração de intenção para acabar com a necessidade de vistos entre os dois países. O documento foi firmado pela secretária do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos, Janet Napolitano e o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota.

Leia também:
É preciso “muita conversa”, diz ministro dos EUA sobre isenção de vistos
EUA anunciam projeto para facilitar passagem de brasileiros pela 'imigração'
Aumentos: Número de vistos para os EUA cresce 56% no primeiro trimestre
Vistos:  EUA mudam o sistema para solicitação de vistos no Brasil

No documento, os países concordaram com a criação do Grupo de Trabalho sobre Assuntos Relativos a Vistos (GTV). O primeiro encontro deve ocorrer até novembro deste ano, em Washington.

A iniciativa faz parte do aprofundamento da cooperação bilateral, acordado entre a presidenta Dilma Rousseff e o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, em abril deste ano, quando a mandatária brasileira esteve em Washington.

Na época, ambos se comprometeram em estreitar a colaboração “para atender aos requisitos do Programa de Dispensa de Vistos dos Estados Unidos e da legislação brasileira aplicável, de maneira a possibilitar que cidadãos dos Estados Unidos e do Brasil viajem entre os dois países sem necessitar de visto”.

Antes da reunião com Patriota, em que foi assinado o acordo, a representante americana se reuniu com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, com quem discutiu algumas iniciativas voltadas a reforçar a cooperação em matéria de proteção dos direitos de propriedade intelectual, entre outros assuntos.

Após a visita a Brasília, Janet se dirigiu a São Paulo, onde deve se reúne nesta quinta-feira com membros da Câmara Americana de Comércio (Amcham) no Brasil. 

Com Agência Brasil e EFE

    Leia tudo sobre: BRASIL EUA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG