Frio continua no Sul e Sudeste; veja a previsão do tempo

Há previsão de geada na serra gaúcha e em Santa Catarina. Massa de ar polar provoca frio em São Paulo

iG São Paulo | - Atualizada às

AE
Florianópolis amanheceu com forte nevoeiro e muito frio neste domingo, mas o sol saiu e predomina da região

O avanço de uma frente fria pelo Sul e Sudeste do País baixou a temperatura nos Estados destas regiões neste domingo. Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), embora a temperatura comece a se elevar gradativamente, as temperaturas seguirão baixas em áreas do Rio, São Paulo, Minas Gerais e na região Sul durante a semana. Veja a previsão, de acordo com a Climatempo:

SUL

Segunda: áreas de instabilidade que vêm do interior do continente provocam pancadas de chuva a partir da tarde no noroeste Rio Grande do Sul e no oeste de Santa Catarina e do Paraná. O tempo fico fechado e ocorrem chuviscos no leste paranaense e no Vale do Itajaí. Nas demais áreas, uma grande massa de ar seco polar deixa o tempo aberto e temperatura baixa. Há previsão de geada ao amanhecer na campanha e na serra gaúchas e na serra e no planalto catarinenses.

Terça: frente fria avança pelo Sul e espalha muitas nuvens pelo Rio Grande do Sul, onde o tempo fica fechado na maior parte do dia e chove a qualquer hora. Previsão de chuva também na maior parte de Santa Catarina e no sudoeste do Paraná, mas que ainda têm aberturas de sol pela manhã. No norte paranaense, não chove e faz calor à tarde. No norte catarinense e nas outras áreas da Região, a nebulosidade aumenta ao longo do dia e acontecem pancadas de chuva a partir da tarde.

Leia mais: Veja a previsão do tempo em sua cidade

Quarta: frente fria ainda provoca chuva e deixa o tempo fechado no Vale do Itajaí, no centro-oeste e no sul do Paraná. Nas demais áreas catarinenses, paranaenses e na serra do Rio Grande do Sul, o sol aparece pouco entre muitas nuvens e chove principalmente pela manhã. Nas demais áreas, o tempo abre e a temperatura fica baixa, há previsão de geada ao amanhecer na fronteira gaúcha com o Uruguai.

Quinta: áreas de instabilidade associadas à passagem de uma frente fria deixam o tempo chuvoso na maior parte do Paraná e no norte de Santa Catarina. O sol aparece pouco, entre muitas nuvens e a chuva acontece a qualquer hora no norte paranaense, nas outras áreas catarinenses e na serra gaúcha. Nas outras áreas da região, o sol aparece entre muita nebulosidade, mas não chove. A temperatura fica baixa no Sul.

SUDESTE

Segunda: uma massa de ar polar provoca frio na manhã desta segunda-feira em São Paulo, no sudeste de Minas Gerais e no sul do Rio de Janeiro. O céu fica com muita nebulosidade e chove a qualquer hora do dia no Vale do Paraíba paulista, na Zona da Mata e no leste de Minas Gerais, no Rio de Janeiro e no Espírito Santo. O sol predomina nas outras áreas do Sudeste, onde o tempo fica firme e não chove.

Terça: começa fria e com formação de nevoeiro no centro-leste de São Paulo, no sudeste de Minas Gerais e no sul do Rio de Janeiro. Nestas áreas, o sol aparece com mais força a partir da tarde e a temperatura fica amena. Em toda a região, não há condições para a chuva e a umidade fica maior no norte de Minas Gerais, onde apesar da nebulosidade não chove.

Quarta: uma nova frente fria provoca aumento da nebulosidade a partir da tarde no centro-leste de São Paulo, no sudeste de Minas Gerais e no centro-sul do Rio de Janeiro, onde há condições para pancadas de chuva. Já nas outras áreas da Região, uma massa de ar seco predomina e garante um dia sem chuva e de baixa umidade relativa.

Quinta: áreas de instabilidade associadas à passagem de uma frente fria deixam muita nebulosidade pelo oeste, centro e leste de São Paulo, onde o sol aparece pouco e chove a qualquer hora. Já no sudeste mineiro e no centro-sul fluminense, o dia começa com muita névoa, mas o sol aparece forte à tarde. Nas outras áreas da Região, o sol predomina e o tempo fica seco.

CENTRO-OESTE

Segunda: a massa de ar polar começa a perder força nesta segunda-feira e a temperatura volta a subir em Mato Grosso do Sul, no sul de Mato Grosso e de Goiás. Nestas áreas, ainda faz frio pela manhã, mas a sensação já é de calor durante à tarde. Nas outras áreas da Região, a previsão é de um dia quente e com baixa umidade relativa do ar, que pode ficar abaixo dos 30% no período da tarde.

Terça: uma nova frente fria provoca o aumento de nuvens e pancadas de chuva a partir da tarde no sul de Mato Grosso do Sul. Já nas outras áreas da Região, uma massa de ar seco atua com força, impede a formação de nuvens carregadas e não há condições para chuva. O sol predomina desde cedo e a umidade relativa do ar fica baixa à tarde.

Quarta: uma nova frente fria provoca o aumento de nuvens e pancadas de chuva a partir da tarde no sul de Mato Grosso do Sul. Já nas outras áreas da Região, uma massa de ar seco atua com força, impede a formação de nuvens carregadas e não há condições para chuva. O sol predomina desde cedo e a umidade relativa do ar fica baixa à tarde.

Quinta: áreas de instabilidade associadas a uma frente fria deixam o céu com muitas nuvens e provocam chuva no sul de Mato Grosso do Sul. Nas outras áreas da Região, uma massa de ar seco atua com força e garante um dia de sol forte, de calor e de baixa umidade relativa do ar no período da tarde.

NORDESTE

Segunda: nuvens carregadas que chegam do mar provocam chuva a qualquer hora no sul e no leste da Bahia, no leste de Sergipe, de Alagoas, de Pernambuco, da Paraíba, do Rio Grande do Norte e no litoral do Maranhão, do Ceará e do Piauí. Uma massa de ar seco garante um dia de sol forte, calor e sem chuva nas outras áreas baianas, no sertão de Pernambuco e no sul maranhense e piauiense. Nas outras áreas da Região, chove pouco e o sol predomina.

Terça: muitas nuvens, pouco sol e chuva no decorrer do dia no norte do Maranhão e no litoral do Piauí e da Bahia. O predomínio é de sol e as pancadas de chuva acontecem a partir da tarde do litoral de Sergipe ao litoral do Rio Grande do Norte. Nas demais áreas, o ar seco predomina e deixa o dia de sol forte e umidade baixa à tarde.

Quarta: o sol predomina em todo o Nordeste. Há condições de chuva apenas no litoral entre a Bahia e o Rio Grande do Norte e no norte do Maranhão, onde acontece de forma rápida e isolada, principalmente pela manhã. Nas demais áreas da Região, não há previsão de chuva. No interior dos Estados, a umidade relativa do ar fica baixa no período da tarde.

Quinta: muito sol e pouca chuva no Nordeste. As pancadas de chuva acontecem apenas no litoral entre a Bahia e o Rio Grande do Norte e no norte do Maranhão, onde acontecem de forma rápida e bastante isolada, principalmente pela manhã. No Planalto da Conquista e no nordeste baianos e no interior de Sergipe, o céu fica com muitas nuvens, mas mesmo assim não chove. Nas outras áreas da Região, o dia é de tempo seco e não há condições de chuva.

NORTE

Segunda: o sol aparece pouco entre muitas nuvens e há previsão de chuva no decorrer do dia no norte do Amazonas e do Pará, em Roraima e no Amapá. Já no leste do Acre, em Rondônia, no sul amazonense, paraense e no Tocantins, uma grande massa de ar seco predomina e deixa o tempo aberto e sem chuva. Nas demais áreas, o predomínio é de sol e pancadas de chuva a partir da tarde..

Terça: o ar fica seco e sol brilha forte, sem chuva no Acre, no sul e noroeste do Amazonas, no sul do Pará, em Rondônia e no Tocantins. Já nas demais áreas do Norte, o tempo fica instável. O sol aparece entre muitas nuvens e há previsão de chuva no decorrer do dia.

Quarta: o ar seco predomina sobre Rondônia, o sul do Pará e o Tocantins e garante um dia de sol e tempo firme. No norte do Amazonas e do Pará, em Roraima e no Amapá, o sol aparece pouco entre muitas nuvens e há previsão de chuva no decorrer do dia. Nas outras áreas da Região, o tempo fica aberto e ocorrem pancadas de chuva a partir da tarde.

Quinta: áreas de instabilidade espalham nuvens carregadas que provocam chuva a qualquer hora no extremo norte do Amazonas e em Roraima. Já no Amapá, no centro-leste amazonense e no norte do Pará, o sol predomina na maior parte do dia e acontecem pancadas isoladas de chuva a partir da tarde. Nas outras áreas da região, o ar mais seco predomina e não há condições de chuva.

    Leia tudo sobre: previsão do tempofriochuvageada

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG