Metroviários continuam em greve em cinco capitais

Grevistas analisam em assembleia na terça-feira se vão manter esquema de emergência em horários de pico

AE |

selo

As paralisações dos metroviários continuam nas capitais brasileiras onde o transporte é administrado pela Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU): Belo Horizonte, Recife, João Pessoa, Maceió e Natal. A próxima assembleia da categoria será na terça-feira.

De acordo com informações da Federação Nacional dos Metroviários (Fenametro), faz duas semanas que a greve teve início e nenhuma proposta do governo federal foi realizada até esta segunda-feira. O presidente da Fenametro, Paulo Roberto Pasin, reafirmou que a categoria aguarda uma posição da CBTU.

"Na próxima assembleia os trabalhadores decidirão se o esquema de emergência vai continuar, a partir da falta de atenção que o governo e a CBTU estão dando a essa greve", disse Pasin.

O transporte público das capitais administrado pela CBTU com verbas do Governo Federal está em greve desde o dia 14. Os trabalhadores reivindicam reajuste salarial acima do 0% proposto pelo governo federal para o ano de 2012. As paralisações afetam 500 mil pessoas, impacto que é reduzido com a operação dos trens nos horários de pico.

    Leia tudo sobre: metrômetroviáriosgreve

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG