Segundo a Receita, a carga será devolvida ao país de origem, "sem prejuízo das demais penalidades cabíveis"

selo

Cerca de 20 toneladas de lixo, que saíram da Espanha, foi barrada pela Alfândega da Receita Federal do Porto de Itajaí, em Santa Catarina. A declaração de importação da mercadoria, de acordo com a Receita Federal, foi registrada no final de abril como "outros tecidos atoalhados de algodão", mas se tratava de lixo de hotéis e hospitais espanhóis.

Segundo a Receita, a carga será devolvida ao país de origem, "sem prejuízo das demais penalidades cabíveis". Em menos de oito meses, esta foi a terceira carga de lixo detectada pela Receita Federal em Itajaí. As cargas anteriores já foram devolvidas ao exterior. A retenção da mercadoria faz parte da Operação Maré Vermelha, desencadeada pela Receita Federal desde o início do mês de março.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.