Polícia prende dois suspeitos de participação em chacina em Goiás

Segundo a polícia, um dos presos havia se desentendido com uma das sete vítimas do crime, ocorrido em uma fazenda de Doverlândia

iG São Paulo |

A Polícia Civil de Goiás prendeu nesta segunda-feira duas pessoas suspeitas de participarem de uma chacina que deixou sete mortos no município de Doverlândia, cidade com pouco menos de 8 mil habitantes a 340 km de Goiânia. A chacina ocorreu no sábado (28) à noite em uma fazenda da região.

O crime: Sete pessoas morrem em chacina em Goiás

Segundo a polícia, um dos suspeitos presos tinha brigado com o filho do dono da fazenda, os primeiros a serem mortos na ação. Além do proprietário da fazenda, de 57 anos, e do seu filho, de 22 anos, um empregado da propriedade rural, de 34 anos, e quatro vizinhos que faziam uma visita ao local foram assassinados e degolados.

Os corpos do fazendeiro e de seu filho foram encontrados dentro de um banheiro da propriedade por outros vizinhos que passaram pelo local e estranharam o silêncio, a porta fechada e a ausência dos proprietários.

Já os corpos das outras cinco vítimas foram encontradas horas depois nas proximidades. Aparentemente, os vizinhos - o proprietário de outra fazenda, sua esposa, seu filho e sua nora - chegaram quando o crime já tinha sido consumado, mas enquanto os criminosos ainda estavam na residência.

Segundo as fontes policiais citadas por rádios de Goiás, os quatro foram assassinados aparentemente para que não restassem testemunhas do crime.

* Com EFE

    Leia tudo sobre: chacinadoverlândiagoiasfazenda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG