Atentado mata pelo menos 8 pessoas no Paquistão

Número de mortos foi informado por uma fonte policial, mas fontes ligadas a hospitais divulgam que número chega a 14

EFE |

Pelo menos oito pessoas morreram hoje e mais de dez ficaram feridas pela explosão de uma bomba durante a passagem de um veículo da Polícia em uma zona militar do noroeste do Paquistão, informou à agência Efe uma fonte policial, enquanto fontes ligadas a hospitais informam que o número de mortos chegou a 14.

O ataque aconteceu por volta das 9h pelo horário local (1h em Brasília) na cidade de Dera Ismail Khan, quando uma bomba colocada em uma bicicleta explodiu no acantonamento de Kachi Payd Khan, segundo a Polícia.

De acordo com esta versão, entre as vítimas mortais há três agentes da Polícia, incluindo um alto comandante, e os demais são civis, deles três menores e uma mulher.

Os feridos foram levados a um hospital da cidade, enquanto as forças de segurança isolaram a zona.

Os atentados são frequentes em Dera Ismail Khan, uma demarcação que faz fronteira com a região tribal do Waziristão do Sul, feudo fundamentalista onde o Exército paquistanês iniciou uma operação contra os talibãs em meados do ano passado.

As forças de segurança realizam atualmente em ofensivas contra a insurgência talibã em várias áreas do conflituoso noroeste e em quase todos os distritos que formam o adjacente cinto tribal fronteiriço com o Afeganistão.

Nos últimos três anos, o país asiático sofreu vários ataques terroristas. Só em 2009, mais de três mil pessoas, a maioria civis, faleceram em decorrência destas ações, segundo relatório do Instituto do Paquistão para Estudos de Paz.

    Leia tudo sobre: atentadoPaquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG