Artur denuncia Braga e Vanessa ao MPF

Senador tucano encaminha denúncia à Procuradoria contra candidatos eleitos ao Senado por compra de votos

Eduardo Asfora, iG Manaus |

O senador Artur Virgílio Neto (PSDB) encaminhou hoje uma denúncia ao Ministério Público Federal (MPF), acusando os candidatos eleitos ao Senado Federal Eduardo Braga (PMDB) e Vanessa Grazziotin (PCdoB) de terem realizado compra de votos durante a campanha eleitoral.

Ele apresentou provas de que cartões corporativos foram usados no interior do Estado e teriam ajudado Vanessa e Eduardo. “Eu descobri através de denúncias. Agora peço que o MPF investigue o caso”, concluiu. Segundo Artur, os beneficiários receberam valores de R$ 600,00 a R$ 1.200,00 para votar e efetuar a compra de votos.

Na manhã de hoje, cinco pessoas realizaram depoimentos na sede do Ministério Público, mas o procurador Edmilson Barreiros disse que ainda não pode se pronunciar sobre o caso e não há previsão de uma discussão sobre o assunto, pois as investigações estão no início.

Durante a tarde desta sexta, o ex-chefe da casa civil do governo Raul Zaidan presidente do comitê financeiro da campanha do Eduardo Braga, Omar Aziz e Vanessa Grazziotin, disse que nenhum cartão foi utilizado na campanha.

Raul negou ainda que os cabos eleitorais tenham recebido algum dinheiro para ajudarem os candidatos. “Eles vão esperar as provas apresentadas pelo o senador Artur ao Ministério Público Eleitoral. Todos os gastos das três campanhas vão ser colocados no próximos dias no site do ter”, afirmou Raul


    Leia tudo sobre: Eleições AMEleições Senado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG