Porsche foi furtado em delegacia na noite do apagão em São Paulo

SÃO PAULO - Um Porsche Cayenne V6 ano 2005, avaliado em R$ 180 mil, foi furtado do pátio do 15º Distrito Policial (DP), do Itaim-Bibi, área nobre da zona sul de São Paulo, na noite do apagão, na terça-feira passada. A chave estava no contato.

Agência Estado |

Na noite do furto, a equipe de plantão era formada por um delegado, dois investigadores e um escrivão. Ninguém percebeu o crime.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), no último dia 5 o veículo foi roubado de um empresário na alameda Lorena com a ru Padre João Manoel, nos Jardins, também na zona sul. A vítima estava parada sozinha no farol quando foi obrigada pelo criminoso armado a descer do Porsche. Na ocasião, também foram levados R$ 600 em dinheiro, um aparelho celular e cartões bancários internacionais.

Cinco dias depois, a Polícia Militar (PM) encontrou o carro abandonado na ra Pedroso Alvarenga e o levou até o pátio do DP, usando a chave reserva que foi fornecida pela secretária do empresário - até que o dono, que estava viajando, fosse buscá-lo.

No mesmo dia houve o apagão, que deixou 18 Estados sem luz, entre eles São Paulo. E o carro de luxo desapareceu do pátio. O sumiço só foi confirmado quando o delegado ligou para o dono do veículo para questionar se ele já o tinha retirado. A secretária disse que não porque ele ainda estava viajando.

Procurada, a delegada-titular do 15º DP, Nilze Baptista Scapulatiello, disse por telefone estar "muito ocupada" e desligou. A SSP afirmou que foi aberto inquérito. O dono do veículo não foi encontrado pela reportagem. Ao lado do DP está a 3ª Companhia do 23º Batalhão da PM. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

Leia mais sobre: apagão

    Leia tudo sobre: blecaute

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG