Em debate, candidatos envolvem prefeito de Belém com alto índice de rejeição

Zenaldo Coutinho (PSDB) e Edmilson Rodrigues (PSOL) citaram Duciomar Costa, do PTB, no primeiro debate do segundo turno

Agência Estado |

Agência Estado

O prefeito de Belém, Duciomar Costa (PTB), que está há oito anos no cargo e ostenta uma rejeição popular que supera 60%, segundo as pesquisas, foi o personagem mais citado no debate entre os candidatos Zenaldo Coutinho (PSDB) e Edmilson Rodrigues (PSOL), promovido pela TV RBA, afiliada da Rede Bandeirantes.

Leia também:  PSOL e PSDB vão disputar o segundo turno em Belém

Rodrigues acusou o tucano de estar sendo apoiado pelo prefeito, que oficialmente não aparece na propaganda de Coutinho, mas liberou os vereadores de sua base aliada e os que se elegeram, para apoiá-lo.

Irritado, o tucano refutou a acusação, dizendo que ela não era verdadeira. "Eu rejeito o apoio do Duciomar e não quero ser responsabilizado pela administração dele", resumiu. Nas duas horas de debate, a partir daí, as provocações predominaram. Coutinho disse que Rodrigues praticava baixarias, enquanto o candidato do PSOL argumentava que o tucano não tinha experiência e nem propostas para governar a capital paraense.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG