Ex-presidente dos EUA George W. Bush participa de cerimônia no Pentágono e Pensilvânia; Obama pede união em aniversário de ataques

Em sua mensagem divulgada no rádio e na internet neste sábado, o presidente dos EUA, Barack Obama, pediu união nacional no aniversário do 11 de Setembro e um olhar para um futuro compartilhado, ao mesmo tempo em que refletiu sobre uma década cheia de dificuldades desde os ataques de 2001 .

A mensagem foi divulgada em meio ao aumento da segurança em Nova York e Washington pelo temor de um novo ataque. Citando fontes do governo, a rede de TV CNN indicou neste sábado que dois de três supostos terroristas podem estar em território americano .

O ex-presidente George W. Bush (2001-2009) participou de cerimônias no Pentágono e na Pensilvânia em homenagem às vítimas dos ataques de 2001. No domingo, participará com Obama em Nova York dos eventos que marcam os dez anos dos ataques.

Veja imagens deste sábado sobre o 11 de Setembro:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.